Opostos iguais






Ele mar, eu asfalto.

Ele pé no chão, eu salto alto.
Ele sempre a mil, eu calmaria.
Ele onda, eu céu de pradaria .

Ele 7h, eu meio dia.
Ele ação, eu poesia.
Ele malha, eu contemplo.
Ele levanta e eu sento.
Ele ordeiro, eu no meu tempo.

Ele aventura, eu leitura.
Eu radical, ele ponderado.
Ele passional, eu também.
Ele inteligência emocional, eu invocada.
Ele fúria disfarçada, eu guerra declarada.

Ele simples, eu complexa.
Ele intenso e eu convexa.
Ele pé na África, eu na Alemanha.
Eu reservada, ele simpatia.
Ele preto no branco, eu colorida.
Ele coragem, eu determinação.
Eu pensamento e ele coração.

Ele carinho, respeito, aconchego e demonstração. Eu em dobro. Relacionamento sem jogo.

Somos a combinação perfeita, opostos sem contra-mão. O nosso encontro é no melhor lugar. Na mesma direção.

Porque ele é amor e eu também. .

Andréa Beheregaray.
Da série, Poeminhas caipiras.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

É a vida!

Árvores Floridas

Ser.